terça-feira, 20 de agosto de 2019

Notícias

Nível do Rio Grande preocupa ambientalista

O nível do Rio Grande está há poucos centímetros da ponte Gumercindo Penteado, em Colômbia, já não sendo mais possível passar por baixo da ponte com embarcações.
Segundo a bióloga Maria Inácia Macedo Freitas, a empresa Eletrobras Furnas que comanda a Hidrelétrica, está controlando o nível do rio para maior geração de energia elétrica. “Quem detém do uso da área é Furnas e quem controla a vazão é ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico) em Brasília. Estão fazendo o máximo de reserva possível de água, se aproximando do nível da ponte. E diante disso, voltamos a debater as questões de segurança da ponte”, explicou a bióloga. Veja mais na página 3 do JBR.

Compartilhe: