quarta-feira, 17 de julho de 2019

Artigos

Resultado de processo avaliativo é apresentado em Assembleia Diocesana de Pastoral

Aproximadamente 100 pessoas participaram da Assembleia Diocesana de Pastoral que teve como objetivo avaliar o processo de implantação do 3º Plano Diocesano de Pastoral, no sábado (09). O evento aconteceu na Cúria Diocesana com a presença do bispo diocesano, padres, diáconos permanentes, religiosos e religiosas, seminaristas, e membros do Conselho Diocesano de Pastoral.
O bispo diocesano lembrou a todos os presentes que aquele era um momento em que culminava todo o processo de revisão e avaliação a partir do processo iniciado em setembro passado realizado nas paróquias, nos movimentos e pastorais, no clero, nas regiões pastorais e no Conselho Diocesano de Pastoral. Ele falou ainda que a assembleia era uma pausa em todo o caminho percorrido. “Uma pausa que nos permite ver o caminho percorrido, os nossos avanços, os nossos desafios, os nossos riscos… Então, é um momento importante da nossa caminhada pastoral”, expressou.
O coordenador diocesano de pastoral, padre Thiago Reis, lembrou a todos da presença constante em nosso meio do patrono diocesano, o Divino Espírito Santo: “Com certeza o dia de hoje é um dia de alegria, um dia de voltarmos para casa motivados, renovados, porque o Espírito Santo caminha conosco, Ele está no meio de nós!”. Falou ainda que a aquele momento não era para indicações, mas apenas para mostrar o resultado da avaliação.
O padre Eder Soares, da Diocese de Jaboticabal, que participou do início de elaboração do 3º Plano de Pastoral, esteve presente no encontro e apresentou uma reflexão a partir da Exortação Apostólica pós-Sinodal escrita pelo Papa Francisco, a “EvangelliGaudium” (Alegria do Evangelho). Nela, o Santo Padre pede uma Igreja missionária, em saída, com as portas abertas e que saiba anunciar a todos a alegria do Evangelho.
Padre Thiago disse que, a partir de agora, o Secretariado de Pastoral e as comissões das urgências pastorais receberão as respostas de todo o processo avaliativo e tudo o que foi discutido na plenária da Assembleia e sentindo as necessidades irão procurar atender as necessidades apresentadas tendo como base o 3º Plano de Pastoral.

Compartilhe: