quinta-feira, 20 de junho de 2019

Artigos

Relíquia do bem-aventurado Ozanamvisita Santuário do Rosário

No dia 04, foi celebrada no Santuário Diocesano Nossa Senhora do Rosário uma missa com a presença da relíquia do bem-aventurado Antônio Frederico Ozanam um dos principais fundadores do Conselho Nacional do Brasil da Sociedade de São Vicente de Paulo (CNB/SSVP), e de integrantes da sociedade também conhecida como Vicentinos.
A relíquia consiste em um pedaço de linho na cor cremeque o bem-aventurado usava quando foi enterrado. O tecido era parte de um manto colocado para envolver o corpo, segundo um ritual típico dos franciscanos, porque Ozanam também participava da Ordem Terceira Franciscana.
Em 1929, quando houve a exumação do corpo, a família do principal fundador dos Vicentinos autorizou que o Conselho Geral Internacional retirasse uma parte do linho para transformá-lo em pequenas relíquias. Uma delas foi doada ao CNB em 2018, durante a posse do presidente Cristian Reis da Luz e diretoria.
A relíquia foi afixada em uma imagem de cerâmica que retrata Ozanam que é envolta por uma cúpula de vidro.
A Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP) é uma organização civil de leigos, homens e mulheres, dedicada ao trabalho cristão de caridade. Foi criada em 23 de abril de 1833, em Paris, na França com o objetivo de aliviar o sofrimento das pessoas vulneráveis e fortalecer a fé de seus membros. Rapidamente a Sociedade espalhou-se pelo mundo e já está presente em 150 países.
Em Barretos a SSVP conta com 98 vicentinos, sendo 13 grupos, e entre as principais atividades desenvolvidas está o suporte a pessoas carentes não somente de bens materiais, mas de oração, de sentimentos, independente da religião de cada um, a assistência é destinada aos que realmente precisam.

Compartilhe: