terça-feira, 22 de janeiro de 2019

Artigos

NATAL

Bom Dia Barretos.
Natal, festa de luz e de sonhos diriam uns. Sonhos com o bom velhinho, chegando em seu trenó carregado de presentes. Dos sapatos e das sandálias que colocávamos nas janelas, torcendo para que o Papai Noel se lembrasse do nosso pedido. Festa dos pisca-piscas multicoloridos e das músicas natalinas que até hoje ecoam em nossos ouvidos.
Mas, crescemos e, hoje, entendemos o verdadeiro sentido do Natal. Natal é a verdadeira festa da família. Comemoramos, não só a chegada do menino Jesus, que veio a terra para nos resgatar do pecado original, mas também a Sagrada Família, reunida num estábulo esperando a chegada do menino Deus.
Talvez, essa a razão que nos leva a passar o Natal reunidos com nossos familiares, reencontrando irmãos, tios, primos, que estavam distantes, nos abraçando, rindo e chorando de felicidade, orando e agradecendo a Deus, o privilégio de juntos, desfrutarmos o dom da vida.
O maior presente que recebemos no Natal, não é o Papai Noel que nos dá, mas, sim Deus, que nos proporciona a alegria de reunirmos família, parentes e amigos, em mais um ano juntos, em nossa caminhada terrena. Natal é um momento mágico quando desavenças são esquecidas, o perdão floresce e o amor se faz presente em sua plenitude. É o milagre do Natal.
Como então duvidar da presença de Deus em nossas vidas? Vamos comemorar o nascimento de Cristo com muita alegria, reservando, porém, um tempo para agradecermos ao Criador o dom da vida, a oportunidade de desfrutarmos da experiência humana e externarmos a certeza de que um dia nos reencontraremos na casa do Pai.
À medida que vai se aproximando o dia de Natal, os semblantes se tornam menos carrancudos, o sorriso aflora em nossos lábios e uma torrente de fraternidade invade nossas almas. Temos que reconhecer que devemos tudo isso a um toque divino em nossos corações, fazendo relembrarmos que somos espíritos de luz numa caminhada terrena, onde todos devem ser uns pelos outros e ao retornarmos à casa do Pai, só levaremos a energia das boas ações praticadas.
Que possamos reservar um tempinho antes da ceia, para agradecer ao Menino Jesus, todo o amor que nos dedicou aceitando a crucificação para nos salvar. Ao pressentir o tilintar dos sinos natalinos, quero desejar a todos um feliz e santo Natal. Que não nos falte a ceia, que alimenta o corpo, e muito menos a fé, que nos alimenta a alma.
Bom Dia Barretos

FELIZ NATAL

Compartilhe: