segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Artigos

DIA INTERNACIONAL DA MULHER

Bom Dia Barretos. Hoje, eu não poderia deixar de trazer meu abraço a todas as mulheres, quando da comemoração de seu dia internacional. Aliás, entendo tal dia, apenas como uma data comemorativa, porque para mim, as mulheres merecem todas as nossas reverências nos 365 dias do ano.
Não existem homens vencedores sem que tenham uma mulher ao seu lado, pois são elas que nos inspiram, nos estimulam, nos incentivam e reabastecem nossas energias nos momentos mais difíceis. São elas que aplacam nossas dores dos embates diários, que nos oferecem seu sorriso e o calor de seu abraço quando mais necessitamos.
Agradeço a Deus por ter me agraciado com mulheres excepcionais. Tive por mãe, uma mulher excepcional, dona Racibe, que soube dosar como ninguém a alternância entre os sentimentos de amor, afeto e carinho sem abdicar do pulso firme nos momentos necessários. Irmãs maravilhosas, esposa amorosa, filha dedicada, ao lado de excepcionais e dedicadas funcionárias no Hospital São Jorge, me fez admirar cada vez mais o universo feminino.
Acompanho centena de gestantes, e com elas, a preocupação das mães, muito mais com o desenvolvimento de seus filhos sendo gestados, do que com a própria saúde. Ao nascer o filho, sempre a mesma pergunta: meu filho está bem doutor, é perfeito? É impressionante como Deus deu às mulheres uma capacidade infinita de amar e de se doar, ao marido, aos filhos, enfim, à família e até àqueles que mesmo não sendo parentes estão precisando um ombro amigo.
A mulher nos encanta e domina nossos pensamentos, fazendo com que possamos sonhar mesmo acordados. Um dia, DEUS criou o mundo e para habitá-lo criou o homem. Depois de ter criado Adão, Deus conseguiu melhorar o protótipo inicial e criou a mulher, a quem reservou a missão divina de continuar a povoar o mundo por ELE criado. Assim, foi pelas mãos de DEUS que a mulher se tornou a melhor amiga do homem, sua namorada, esposa, e mãe de seus filhos.
A mulher mãe se torna amiga, conselheira e psicóloga de seus filhos, mesmo que para isso tenha que sepultar suas ambições e seus sonhos. Mais tarde, já como avós, em vez de terem seu merecido descanso, se tornam pajem de seus netos. Aposentadas, usam seus parcos recursos para socorrer membros da família necessitados, e assim, continuar a percorrer os caminhos pedregosos de sua jornada, sem que se ouça uma palavra sequer de ressentimento.
Por isso e por tudo isso é que acredito que a mulher quando termina sua jornada terrena, retorna aos céus para se incorporar às legiões de anjos de DEUS. Parabéns mulheres, recebam nosso afeto e nossos reconhecimento por tudo que vocês representam em nossas vidas.

BOM DIA BARRETOS.

Compartilhe: