quarta-feira, 18 de setembro de 2019

Artigos

Cultivemos a gratidão

Ao refletir sobre a identidade e as características das atitudes de gratidão será possível perceber que ela está relacionada a uma experiência de louvor, de reconhecimento, de respeito e também valorização.
De fato, quando adentramos no mistério sobre a questão de entoarmos louvores a Deus, nos depararemos com a grande intuição de que Ele não necessita de nossos louvores diante de sua absoluta grandeza que não se abarca. Porém, a atitude de louvar o Senhor é uma atitude espiritual que transforma e fortalece nosso Espírito e nosso ânimo, pois diante do louvor e da gratidão a Deus, nós encontramos a nós mesmos, ou seja, encontramos a nossa essência, pois como sabemos, somos criados à imagem e semelhando de Dele.
Ao reconhecer esta realidade, será possível descartar aqueles pensamentos de achar que o nosso Deus é um Deus mágico, pois a atitude do louvor é justamente uma atitude que nos interage com graça de Dele, e deste modo, o ser humano passa a perceber que o Criador tem uma missão para ele, mesmo diante de sua pequenez.
A atitude de desprezar o louvor é um ato que nos torna afastados, ausentes da presença de Deus, e assim sendo, será muito triste perceber que além da ausência de Dele, que é uma presença que nos acolhe, percebermos também que a todo tempo enganamos a nós mesmos, pois da parte do Senhor sempre existiu fidelidade e continuará existindo eternamente.
Sejamos gratos, exalemos atitudes de gratidão a Deus e também aos nossos irmãos, pois estas atitudes nos transformarão em humanos melhores que vivem o amor, e quando se ama a graça acontece.
Aproveitemos este dia dedicado à Independência do Brasil para rezar pelo fortalecimento do nosso país, para que brotem muitos frutos de justiça, esperança, união e paz! Peçamos a Deus seu auxilio! Louvado seja Deus!
Daniel Canevarollo
Seminarista

Compartilhe: