domingo, 17 de fevereiro de 2019

Artigos

A BATALHA

Bom Dia Barretos. Parece que estamos vivenciando a chegada dos novos tempos, tão esperados em nossa pátria, com a batalha que está sendo travada no Ceará, entre as forças governamentais e grupos comandados pelo crime organizado. Creio que pela primeira vez, vejo o enfrentamento aberto, sem rodeios, com o governo mantendo sua posição, sem acordo com os criminosos, nem relaxamento nas ações que soam como rendição.
As ações terroristas no Ceará começam a regredir, enquanto 20 chefes de facções, já foram transferidos na última quarta-feira de madrugada, para presídios federais. Quarenta novas vagas foram disponibilizadas pelo governo federal, para complementarem as transferências anunciadas.
Tenho que aplaudir a manifestação do governador do Ceará, Camilo Santana, do PT quando afirma: “Não se pode admitir que bandidos continuem dando ordens de dentro das prisões. Que fique claro, não haverá recuo do estado.” Mas também tenho que aplaudir o ministro da Justiça e Segurança, Sergio Moro, e o ministro da Defesa, general Fernando Azevedo, que sem titubearem deslocaram forças federais, imediatamente após o pedido do governador, para enfrentarem os criminosos, garantindo assim a segurança da população, bem como, o êxito do combate sem tréguas ao crime organizado, como foi proposta de campanha do governo.
Em momento algum, se levou em consideração que o governador, com outros governadores do Nordeste, eleitos pelo PT, boicotaram a posse do presidente eleito nem se arrefeceu o trabalho conjunto, quando o governador deixou seu estado ainda em luta aberta contra os criminosos, para se deslocar até Curitiba, numa caravana de governadores eleitos pelo PT a fim de prestarem solidariedade à Lula.
Prevaleceu na atuação do governo, o pensamento também externado pelo governador, quando disse: “Este é um importante momento para a segurança pública. A hora é da união de todos, sem vaidades ou oportunismo político. O assunto é sério e deve ser tratado com responsabilidade por todos, sem arroubos ou discurso fácil. É o que a população espera de todos nós, que recebemos a sua confiança.”
E é o que o governo está fazendo, levando em consideração apenas o bem-estar da população. Aliás, uma série de medidas dos primeiros dez dias do governo já garantiu apreciável contenção de despesas e já se fala até em fechar o ano zerando o déficit público.
Notícias alvissareiras sem a menor dúvida, que precisam ser respaldadas pela população consciente, evitando com isso, que as críticas infundadas, daqueles que estão perdendo privilégios, possam vir a tumultuar o ambiente. Sem a menor dúvida, são novos tempos, com o governo fazendo realmente o que propôs em campanha.
BOM DIA BARRETOS.

Compartilhe: